sexta-feira, agosto 01, 2008

Luz enlatada/Canned light

Este desenho deveria ter sido usado para participação no Illustration Friday da semana passada cujo tema foi "Canned", mas não terminei a tempo. Anyway... pelo menos não deixei de desenhar.

terça-feira, julho 22, 2008

Última de palhaços



E depois de destilar seu veneno volta com essa cara boba e tentando ser alegre....

Beliscando


Existem dias em que fico assim: de cabeça baixa e beliscando. Explico: de cabeça baixa para ver se fico invisível e não me solicitam para tomar parte em assuntos que realmente não me interessam e que são POR DEMAIS repetitivos. Beliscando porque quase sempre fico tão irritada e irritante que "belisco" as pessoas justamente nos seus calos mais doloridos, e isso é muito desgastante. Estou cansada de ouvir tantas "abobrinhas"; estou precisando "mudar de ares" o que significa, viajar. Ver gente diferente, ouvir tudo diferente.... Férias!! Eu quero férias!!

terça-feira, julho 08, 2008

sábado, julho 05, 2008

Ruas do Rio:Brincante 1

música para acompanhar esse desenho feito a lápis de cor e Photoshop:

Young At Heart

Fairy tales can come true, it can happen to you
If you’re young at heart
For it’s hard, you will find, to be narrow of mind
If you’re young at heart

You can go to extremes with impossible schemes
You can laugh when your dreams fall apart at the seams
And life gets more exciting with each passing day
And love is either in your heart or on it’s way

Don’t you know that it’s worth every treasure on earth
To be young at heart
For as rich as you are it’s much better by far
To be young at heart

And if you should survive to 105
Look at all you’ll derive out of being alive
Then here is the best part
You have a head start
If you are among the very young at heart

And if you should survive to 105
Look at all you’ll derive out of being alive
Then here is the best part
You have a head start
If you are among the very young at heart


Frank Sinatra Lyrics
Young At Heart Lyrics
Songwriters: Leigh, Carolyn; Richards, Johnny;

terça-feira, junho 24, 2008

Brumas às 07 horas de hoje


Não deu vontade de ir trabalhar mas tive que ir. Queria mesmo era ter ficado debaixo do meu cobertor verde-folha desbotada, lendo. Adoro esse clima, pena que dure tão pouco.

Bouganville antes do frio

A rua onde moro ficou assim, enfeitada com as flores das bouganvilles, antes do frio chegar. Caíram todas e nos deram esse presente. Lindo, não?

terça-feira, maio 27, 2008

Disciplina - 1


"Ser feliz não significa que tudo tenha que ser perfeito, significa que você decidiu ver além das imperfeições."
Anônimo

sexta-feira, abril 25, 2008

Saleiro vazio e Rosa Montero

"Na vida existem conhecimentos que a gente busca e conhecimentos que a gente encontra. Os conhecimentos que a gente busca costumam ser técnicos ou eruditos. Normalmente são adquiridos passo a passo, com uma presunção prévia daquilo que virá. Claro que também pode tratar-se de assuntos emocionais e íntimos (....) Os conhecimentos buscados costumam ser um desenvolvimento da vida de cada um. Acrescentam, não subtraem, trazem memórias e vivências. Acumulam.

Os conhecimentos que a gente encontra, ao contrário, costumam amputar uma parte de você. Para começar, roubam a inocência. Você estava tranqüilo, feliz ignorante de sua ignorância, quando, zás, uma novidade o surpreende, uma maldita sabedoria a que você não aspirava. Em geral, uma revelação é isso: uma labareda de insuportável claridade, um raio de realidade que lhe cai em cima. Uma luz impiedosa sob a qual você descobre que as coisas que antes via como paisagens não passam de panos de fundo, e que viveu num teatro achando que aquilo era vida, de modo que precisará rearrumar seu passado, reescrever sua memória e perdoar a si mesmo por tanta estupidez e tão feroz cegueira. Para o bem ou para o mal, nada continua sendo a mesma coisa depois de uma revelação dessas."

segunda-feira, abril 07, 2008

Sinais



Continuando a minha senda de indecisão,pedi interiormente, a Deus, por um sinal de que estou a fazer a coisa certa ou não. Umas poucas horas depois, li a crônica de Martha Medeiros na revista de O Globo de ontem. Chocante!!!! Lá estava a minha questão completamente descrita e respondida.
Ao texto Martha deu o título de "Os olhos da cara". Diz ela:" minha mãe recentemente mudou do apartamento enorme em que morou a vida toda(18 anos no meu caso), para um bem menorzinho. Teve que vender e doar mais da metade dos móveis e tranqueiras(põe tranqueira nisso!), que havia guardado e, (agora vem a resposta), mesmo tendo feito isso com certa dor, ao conquistar uma vida mais compacta e simplificada, rejuvenesceu."
É fantasia minha???

sábado, abril 05, 2008

Je ne sais pas choisir


Esse desenho veio por inspiração de minha amiga Laís que é muito criativa, pena que ela mesma não se dê crédito. Falávamos sobre minha dificuldade em tomar uma decisão séria e de minhas tentativas com os oráculos, Tarot e I Ching. Laís tem um livro do I Ching com uma linguagem mais ocidental, mais compreensiva para nós, diferentemente da chinesa que é cheia de metáforas e floreios que nos deixam, muitas vezes, à mercê da saúde de um dragão chinês. Como ela disse " o dragão espirrou tres vezes, desgraça à vista!"
Então imaginei um pobre dragão com alergia ao ambiente sulfuroso de sua caverna, espirrando terrìvelmente e tendo que dar conselhos quando ele próprio não sabe o que fazer com a sua vida.